Plano Municipal de Saneamento

1ª Reunião Publica para elaboração do Plano Municipal de Saneamento Básico de Fortuna



No auditório Josué Marques de Sousa a Prefeitura Municipal de Fortuna, realizou na quarta-feira (17/05) a 1ª Reunião Pública para Elaboração do Plano Municipal de Saneamento Básico de Fortuna, na ocasião foi apresentado o Comitê de Coordenação.

O Comitê tem os seguintes membros Adriana Pereira Santos – Chefe de Gabinete; Raimundo Dias dos Santos – Agente de Saúde; Sanclair Alves Araújo – Professor; José Oliveira do Nascimento – STTRF, Rosa Oliveira do Nascimento – Clube de Mães; Osvaldo Coelho de Sousa Filho – Secretário de Agricultura; Nelson Frazão – Secretário de Obras; Genielma Maia Pinheiro – Professora; Juciária de Sousa Cruz – Agente Administrativo e Valmira Pereira Coelho Machado – Professora.

A reunião teve como moderador o professor Sanclair Alves Araújo, e os técnicos do convênio Universidade Fluminense e Funasa, participaram dos debates os vereadores Luís Gonzaga Coelho de Sousa, Gildenor Gomes de Sousa, Josélia Santos Carvalho Pereira e Roberto Luís Rodrigues da Silva Messias – presidente da Câmara, na reunião teve a participação da comunidade fortunense


Taça Cultural 2017


Vacinação termina na sexta-feira

Campanha de vacinação contra gripe termina na sexta-feira

Andreia Verdélio – Repórter da Agência Brasil


Esta é a última semana da campanha de vacinação contra a gripe – a vacina está disponível nos postos de saúde até a próxima sexta-feira (26) para o público-alvo da campanha. Balanço atualizado do Ministério da Saúde indica que, até o momento, 58,2% do público-alvo já foi vacinado.

De acordo com o ministério, é fundamental que as pessoas se vacinem neste momento para estarem protegidas durante o inverno, quando os diversos vírus da influenza começam a circular com maior intensidade. A vacina demora cerca de 15 dias para fazer efeito após aplicada.

A escolha dos grupos prioritários segue recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS). O público-alvo é formado por 54,2 milhões de pessoas consideradas mais vulneráveis para complicações da doença. A meta do governo é vacinar 90% desse grupo até o dia 26 de maio.

Cumprimento da meta

A meta de vacinação ainda não foi alcançada em nenhum grupo prioritário. Entre os públicos-alvo, os idosos registraram a maior cobertura vacinal, com 14 milhões de doses aplicadas, o que representa 67,1% deste público. Em seguida vêm as puérperas (65,4%) e trabalhadores de saúde (59,4%).

Os grupos que menos se vacinaram são indígenas (37,1%), crianças (44,9%), gestantes (49,2%) e professores (52,4%). Além do grupo prioritário, também foram aplicadas 6,2 milhões de doses nos grupos de pessoas com morbidades, população privada de liberdade e trabalhadores do sistema prisional.

Os estados com a maior cobertura de vacinação no país, até o momento, são: Amapá (79,4%), Paraná (74,1%), Santa Catarina (72,3%), Rio Grande do Sul (70,8%), e Goiás (66%). Já os estados com menor cobertura são: Roraima (41,5%), Pará (44,3%), Rondônia (44,6%), Rio de Janeiro (45,8%), Mato Grosso (48,5%), Acre (48,6%) e Piauí (50,4%).

Quem deve se vacinar

Desde o dia 17 de abril, a dose está disponível nos postos de vacinação para crianças de 6 meses a menores de 5 anos, pessoas com 60 anos ou mais, trabalhadores de saúde, povos indígenas, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional e pessoas com doenças crônicas não transmissíveis ou com outras condições clínicas especiais, além de professores da rede pública e particular.

Pessoas com doenças crônicas não transmissíveis e com deficiências específicas devem apresentar prescrição médica no ato da vacinação. Pacientes cadastrados em programas de controle das doenças crônicas do Sistema Único de Saúde (SUS) devem se dirigir aos postos em que estão registrados para receber a vacina sem necessidade de prescrição médica.

À população em geral, o Ministério da Saúde orienta a adoção de cuidados simples para evitar a doença, como: lavar as mãos várias vezes ao dia; cobrir o nariz e a boca ao tossir e espirrar; evitar tocar o rosto; não compartilhar objetos de uso pessoal; além de evitar locais com aglomeração de pessoas.

Mesmo as pessoas vacinadas devem procurar o médico ao apresentar os sintomas da gripe: febre, tosse ou dor na garganta, além de outros, como dor de cabeça, dor muscular e nas articulações. O agravamento do quadro de gripe pode ser identificado por falta de ar, febre por mais de três dias, piora de sintomas gastrointestinais, dor muscular intensa e prostração.

Recuperação de ruas

Recuperação das ruas do 
Conjunto Ademar Coelho
A Prefeitura através secretaria de obras do município de Fortuna, recuperou as rus do conjunto Ademar Coelho limpando e piçarrando as ruas que estavam sem condições de trafego de veículos e dos pedestres.

Após solicitações dos moradores do Conjunto aos vereadores, eles solicitaram a recuperação das ruas do Conjunto 

Tempo médio para aumento 9'36"

PREFEITURA